Algarve

As praias do Algarve em fotos


Um post com pouco papo e tantas fotos para deixar com vontade quem ainda não foi e para matar de saudades quem já teve a oportunidade de conhecer as praias do Algarve, uma das regiões mais bonitas de Portugal.

Isso mesmo, praias. Portugal não é somente Lisboa e Porto. E não é pouco, eu sei. Mas a verdade é que além das cidades históricas, esse país maravilhoso ainda nos oferece um litoral e tanto. Paisagens e praias entre as mais bonitas da Europa e que competem lado a lado com as praias do Mediterrâneo. 

Entre as dezenas de opções de praias portuguesas, o Algarve é a vedete número 1. Claro, é “turística”. Mas como digo sempre, se é turística tem um motivo. E o Algarve tem motivos de sobra que justificam a sua fama planetária.

E foi assim que escolhi o Algarve para passar uma semana de relax no último verão. Resultado: simplesmente adorei! Confira as fotos e você também vai entender porque quero voltar. Mas antes… tem o beabá básico.

As praias do Algarve

O Algarve fica no sul de Portugal, entre a Espanha e o Alentejo, passando pelo Cabo de São Vicente. É grande e belíssimo – ainda bem. Em outras palavras: satisfaz qualquer tipo de exigência praiana 🙂

São quase 200 km de praias para todos os gostos (e bolsos). Praias super lotadas, de agito, desertas, com areia branca ou dourada, calma, com ondas fortes ou fortíssimas, com rochedos ou pedregulhos, com e sem falésias, para famílias….e por aí afora.

Visitar o Algarve inteirinho em poucos dias é uma mission impossible. Tem muitas praias e você não vai aproveitar nada. Melhor escolher uma região e explorar as redondezas. Foi assim que eu fiz.

Para ter uma ideia de onde estamos é bom saber que o Algarve é dividido em duas grandes áreas: Barlavento, localizado a oeste de Albufeira até Aljezur, e Sotavento, o trecho a leste de Albufeira até a fronteira espanhola.

No litoral sul ficam as famosas falésias douradas, as grutas e os penhascos que recheiam Instagram e as revistas de turismo. Já no litoral ao norte do Cabo de São Vicente, conhecido como Costa Vicentina, as prais são muito amplas e com ondas. É o paraíso dos surfistas e dos aprendizes de surfista.

Na minha primeira visita ao Algarve fiquei hospedada no vilarejo de Centianes, entre Carvoeiro e Benagil, porque próximo do famoso Algar de Benagil (ou Gruta de Benagil) e de outras praias que estavam na minha lista, inclusive na Costa Vicentina.

Por enquanto fico por aqui com as explicações geográficas. Mas aguardem porque vai ter muito mais sobre as praias do Algarve.

E, para quem não acompanhou a minha viagem pelo Instagram, passa lá pra ver por onde passei. Ou confira nos artigos abaixo.



As praias do litoral sul

Entre as dezenas e dezenas de praias do litoral sul, eu escolhi algumas praias icônicas para ter uma ideia geral da região:

  • Praias de Lagoa: Benagil, Marinha e Carvalho.
  • Praias de Lagos: Praia do Camilo e Ponta da Piedade.
  • Praias de Portimão: Alvor.
  • Praias de Vila do Bispo: Martinhal.
Praia Vale de Centianes

Praia Vale de Centianes – praia pequena, de fácil acesso, mar tranquilo, perto da minha hospedagem.


Praia de Carvoeiro

Praia de Carvoeiro – relativamente pequena, fácil acesso. Como fica na frente do vilarejo que leva o mesmo nome (aliás muito pitoresco). Lota com facilidade durante o verão


Praia do Carvalho

Praia do Carvalho – foto feita durante um passeio pelo penhasco. Sem retoque, sem filtros!


Praia da Marinha

Praia da Marinha – exemplo de “quanto mais famosa, mais lotada”. Maravilhosa…mas evite agosto!


Praia da Marinha

Mais uma da Praia da Marinha


Algar de Benagil

Algar ou gruta de Benagil, uma cavidade natural com acesso exclusivamente por barco, caiaque ou a nado.


Ponta da Piedade

Ponta da Piedade, um dos mirantes mais bonitos do Algarve


Praias da Costa Vicentina

As praias da Costa Vicentina são mais tranquilas. Pouco agito, muita natureza, vento e ondas. Digamos que é um trecho com características mais “atlânticas” do que mediterrâneas.

A Costa Vicentina tem pouca infraestrutura hoteleira de grande porte (na minha opinião é uma vantagem). Os vilarejos são pequenos e oferecem somente os serviços básicos para um veraneio sem correria e em contato com a natureza.

Apesar da ausência das falésias, eu gostei muito e gostaria de voltar para conhecer um pouco mais a região. Por falta de tempo meu roteiro ficou restrito e consegui visitar somente:

  • Praias de Vila do Bispo: Castelejo e Murração.
  • Praias de Aljezur: Amado e Bordeira.
Praia da Bordeira

Praia da Bordeira, simplesmente linda! e não somente para surfistas


praias do Algarve

Praia de Castelejo, apesar do dia nublado a turma do surf não desistiu.


As praias do Algarve não acabam aqui. Fique acompanhando.

Guarde no Pinterest para ver depois

praias do Algarve

4 respostas
  1. Mags
    Mags says:

    Okay. Thinking about moving to Algarve. You are very convincing congrats my dearest Turista Imperfeito you are perfect !

    Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Eu adorei. Lindo demais. Melhor evitar julho e agosto e ir na primeira quinzena de setembro ou em junho. O clima é de verão mas as praias famosas não ficam lotadas 🙂

      Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *