Refeições baratas em Nova York, sem perder o charme

A blogosfera está repleta de dicas sobre refeições baratas em Nova York. Mas quase sempre são dicas de fast food. Que pode até ser uma tábua de salvação nas emergências. Mas todo santo dia? Não, eu não faria isso. As minhas dicas vão mostrar para você que nem sempre sina de turista em uma das cidades mais caras do mundo é comer hambúrguer. Quem procura, acha. E até economiza sem perder o charme.

Refeições baratas em Nova York

Quem conhece o blog sabe que adoro comer bem e explorar a culinária dos lugares que visito. Mas tem um detalhe: sou uma gourmet com orçamento restrito…além de 100% convicta de que para comer bem não precisa torrar a poupança. Sem querer menosprezar a alta cozinha e os estrelados Michelin, é claro.

Com o passar dos anos – e dos quilômetros – aprendi que comida gostosa não é exclusividade de restaurante caro. Vale tudo – boteco, barzinho, trattoria, etc – para experimentar novos sabores e conhecer os pratos típicos de cada região. Às vezes tenho que bater pernas em bairros que ficam fora do roteirão para encontrar o que procuro em termos de qualidade e preço.

Em Nova York, tudo isso fica meio complicado porque a cidade é maravilhosamente multiétnica e escandalosamente cara e grande. Não é fácil enquadrar a culinária típica e muito menos achar tempo de dar mil voltas para procurar aquele restaurante no bairro tal de tal.

Portanto antes da minha última viagem eu dei uma vasculhada na internet em busca de dicas sobre refeições baratas em Nova York. Não vou negar que suei para encontrar algo fora do padrão McDonald’s e outras cadeias de fast food. Entre parênteses: infelizmente a blogosfera está cheia de dicas “padronizadas” porque todo mundo escreve as mesmas coisas, às vezes até copiando de outros blogueiros 🙁

No final das contas achei o que queria e fiz uma pequena seleção de novidades e clássicos já conhecidos. Testei algumas delas, inclusive opção para sobremesa, e não fiquei decepcionada. Confira o resultado (como sempre o Turista imPerfeito é imparcial e independente. Ou seja, todas as refeições foram pagas por mim e não fazem parte de parcerias nem de qualquer outro tipo de transação comercial).

Le District

Onde | Um pedacinho de França em plena Downtown, pertinho do novo One World Trade Center e do 9/11 Memorial. Siga as indicações para Brookfield Place, passando pelo maravilhoso Oculus do Calatrava. Fica também ao lado do novíssimo Winter Garden Atrium, completamente reformado depois do ataque de 11 de setembro.

Como é | O Le District é grande e super versátil. Oferece vários tipos de refeições: sanduíches, grelhados feitos na hora, saladas, pratos de frios fatiados, pratos prontos para take away, confeitaria, bistrot para um happy hour no fim da tarde. Conta também com um pequeno supermercado com venda de verduras, carnes, conservas, padaria e outros mimos…

Minha dica | Ideal para um lanche ou uma refeição rápida. Frequentado principalmente por nova-iorquinos na hora do almoço. Evite horários de pico e escolha uma mesa ao ar se não estiver frio. Fica numa praça sem carros com vista top do Rio Hudson e do skyline de New Jersey.

Endereço | 225 Liberty St, New York, NY 10281

Por falar em One World Trade Center, não deixe de ler aqui no blog como visitar a mais nova vista panorâmica da cidade.

>> One World Observatory

Le District

De tudo um pouco no Le District


55 Fulton Market

Onde | Opção descontraída no Financial District, na esquina entre as charmosas Front Street e Fulton Street, perto do Pier 17, da Bolsa de Valores e Wall Street.

Como é | Menor do que o Le District e bem mais simples, mas oferece vários tipos de refeições: sanduíches típicos americanos, frutas frescas, saladas, sushi, pratos veganos, buffet por kilo, pratos prontos para take away. Tem mesas do lado de fora – no lado da Front Street – e no primeiro andar.

Minha dica | O Fulton Market fica em uma das zonas mais descoladas e tranquilas de Nova York, exclusivamente para pedestres. Ideal para um lanche ou uma refeição rápida depois do passeio na Wall Street e arredores. Tente o delicioso Lobster Roll nova-iorquino (eu adorei!). Não se assustem porque lagosta nos EUA não é tão cara como imaginamos.

Endereço | 55 Fulton St, New York City, NY 10038-1821

Uncle Gussy’s

Onde | Barraquinha na chiquérrima Park Avenue (esquina com 51st. Street), perto do Rockfeller Center e da Catedral Saint Patrick.

Como é | Especialidades gregas no formato “comida de rua”. O quiosque é frequentado por executivos nova-iorquinos na hora do almoço. Pratinhos ou sanduíches caprichados feitos na hora. Têm vários tipos de pães e recheios (exemplo frango, porco, vegetariano). Tem que comer em pé ou sentar nas escadarias da igreja que fica ao lado (como eu fiz). Ideal para apressados.

Minha dica | Chegue cedo para evitar as filas do almoço. Ideal para um lanche reforçado e barato depois das comprinhas assassinas na Madison e na 5th Avenue. O preço e o sabor do sanduíche acabam com qualquer sentimento de culpa.

Endereço | 345 Park Ave, esquina 51st Street, New York City, NY 10154-0004

refeições baratas em Nova York

Opção baratinha e gostosa na luxuosa Park Avenue.


Zabar’s

Onde | Mercadinho, delicatessen e lanchonete gourmet no Upper West Side, perto da Broadway e do Museu de História Natural.

Como é | Especialidades americanas e do mundo inteiro como queijos, frios, conservas, saladas, pães, pastrami. Tem opções de sanduíches feitos na hora, comida pronta, doces, café…Você pode comprar e comer na hora ou levar para o hotel. Enfim, ideal para café da manhã e em geral para refeições baratas em Nova York – mas de excelente qualidade. O local é pequeno mas super pitoresco.

Minha dica | No Zabar’s tem produtos para todos os bolsos e gostos. Você encontra até caviar e foie gras de primeira categoria. Tente o Lox, delicioso sanduíche típico nova-iorquino feito com bagel, salmão, cream cheese e fatias de cebola vermelha (opcional). Caro (mais ou menos 12-13 dólares cada um) mas é uma especialidade local que precisa experimentar pelo menos uma vez. E dizem que o Lox do Zabar’s seja um dos melhores da cidade. Evite a hora do rush.

Endereço | 2245 Broadway, esquina da 80th St, New York City, NY 10024-5899

Zabar's

Tabela de preços do Zabar’s, ideal para lanche rápido ou refeições completas take way.


Zadar's

Seleção de queijos no Zabar’s


Levain Bakery (pra fechar com chave de ouro)

Onde | Fica meio escondidinha na W 74th St, no Upper West Side. Estrategicamente perto do Central Park e do Museu de História Natural.

Como é | Uma pequena pastelaria especializada em cookies nova-iorquinos. O lugar é simples, sem luxos e com poucas cadeiras. Uma palavra define o cookie da Levain Bakery: maravilhoso. O forno fica atrás do balção e os cookies saem quentinhos, crocantes por fora e macios por dentro. Imaginem o aroma. Têm 4 ou 5 tipos de cookies e cada um custa 4 dólares. Caro? Não, porque o cookie é enorme e deliciosooooo. Dizem que seja o melhor de Nova York (e eu acredito). Leia-se: tem fila o dia inteiro. Mas não renuncie, vale a pena.

Minha dica | Compre para comer na hora – ou para levar para o hotel – ou para comer no parque – ou ainda como presentinho para amigos gulosos. Tem embalagem para viagem.

Endereço | 167 W 74th St, At Amsterdam Avenue, New York City, NY 10023-2216

Levain Bakery

Os famosos cookies nova-iorquinos da Levain Bakery


Se você conhece outros locais onde comer bem com bom custo x benefício, deixe a dica nos comentários!

Espera…tem mais uma importante dica extra, já publicada aqui no blog: o Chelsea Market.

Guarde minhas dicas de refeições baratas em Nova York no Pinterest

 


 

4 respostas
  1. Ana Paula
    Ana Paula says:

    Olá Adelaide
    Como sempre, seus roteiros me deixou com vontade de conhecer ou voltar ao lugar que você indicou, para conferir as suas dicas espertas.
    Sobre comer bem e barato em NY, eu tenho um “lugar secreto” que sempre vou quando visito a cidade: dentro do turístico Chelsea Market, tem um mercado de peixe chamado Lobster Place. É uma grande peixaria aonde você pode comprar peixes e frutos do mar para levar para casa, mas o legal é comer por lá mesmo as lagostas inteiras, os lobster rolls, sushi, sashimi, e também deliciosas sopas. Tudo muito fresquinho, e com preços que cabem no bolso do turista econômico. Ótima opção para matar a fome antes ou depois de passear pelo High Line.

    Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Olá Ana Paula,
      🙂 🙂 Bem lembrado! O Chelsea Market é um velho conhecido. Já escrevi um artigo aqui no blog.
      E o Lobster Place…hummm…Adoro aquela sopa super cremosa, Clam Chowder.
      Concordo, um ótimo custo x benefício. Mais uma opção para quem não quer renunciar à boa comida durante a viagem!!
      Abs.

      Responder
  2. Viajento
    Viajento says:

    Nós viajantes sabemos o quanto essas dicas são preciosas, pois a primeira coisa que tendemos a cortar em uma viagem é a alimentação de qualidade. Adorei!

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *