Airbnb: o que você precisa saber


O que é Airbnb?

Airbnb é uma plataforma on line para mediação de aluguel de temporada entre proprietários e hóspedes. Mas eu prefiro definir Airbnb como uma forma de economia compartilhada, ou trocando em miúdos, uma linha direta para prestação de serviços ou troca de produtos entre pessoas físicas.

Airbnb nasceu casualmente, como muitas vezes acontece. Em 2008, para pagar o aluguel do apartamento onde viviam, três jovens designers de San Francisco resolvem colocar com colchão inflável na sala durante um grande evento realizado na cidade, cobrando uma diária de 80 dólares. Como os hotéis estavam todos lotados, a ideia funciona e de acordo com os últimos dados divulgados, hoje o sistema abrange mais de 500 mil anúncios em mais de 35.000 cidades e 192 países.

Atualização: Em novembro de 2016 Airbnb lançou Airbnb Trips, uma plataforma online que agrega hospedagem, experiências e itinerários locais que os moradores recomendam.

Airbnb “conquistou” o mercado brasileiro durante a Copa do Mundo e não parou mais, aproveitando o espaço vazio deixado pela rede hoteleira oficial em muitas cidades até mesmo de pequeno porte.

O sistema desagrada a setor hoteleiro em várias partes do mundo, até mesmo em San Francisco, alegando concorrência desleal. A verdade é que o preço e a qualidade de Airbnb são muito competitivos e incomodam o status quo. Para conseguir entrar no mercado (ou melhor, na community) algumas empresas do setor estão tentando conciliar a hospedagem tradicional com a plataforma Airbnb, descaracterizando o sistema.

Mas a maioria das acomodações ao redor do mundo ainda permanecem particulares.

Importante: esse post não é um publieditorial. Eu não ganho um centavo. Compartilho com vocês a minha experiência pessoal porque usei Airbnb e gostei.

Qual é a principal vantagem de Airbnb?

Sem dúvidas, é a possibilidade de economizar sem renunciar a uma boa hospedagem. Principalmente em cidades como Londres, Paris ou New York, a hospedagem pesa em qualquer orçamento. No circuito tradicional, para economizar às vezes é preciso ficar longe do centro ou renunciar ao conforto, arriscando hospedagem “estilo quartel”.

Airbnb oferece uma alternativa, disponibilizando uma ampla gama de apartamentos, quartos e casas, para todos os bolsos e gostos, e no mundo inteiro.

Qualquer que seja a escolha a economia é tangível, principalmente quando você não está viajando sozinho (e divide a despesa) e pretende ficar vários dias na mesma cidade.

Dica: Nem todo apartamento é bem decorado e fica no centro, mas o truque é reservar com antecedência para poder escolher entre as melhores opções, em termos de preço e qualidade.

hospedagem-milao

Airbnb Milão é uma alternativa durante os eventos de moda e de design quando os hotéis lotam e ficam caríssimos


Porque eu uso Airbnb?

Além do preço, eu gosto de Airbnb porque:

  • Ideal para aluguel semanal ou de temporada: é a melhor opção mais conveniente porque diminui muito os custos de estadia;
  • Possibilidade de cozinhar: é uma forma de economizar e de experimentar os produtos locais,;
  • Contato com moradores e com a vidinha de bairro: é uma das partes que mais gosto. Com Airbnb você consegue “entrar” na vida e no ritmo da cidade. Algumas acomodações são bem típicas e mostram como vivem as pessoas do lugar. Além disso você pode tomar um cafezinho no bar embaixo do prédio, bater papo, ir ao supermercado, ao açougueiro…
  • Impulsiona a economia local: com Airbnb você economiza, é claro, mas também colabora e impulsiona a economia local, sem intermediários. Em certos lugares do planeta, não é nada mal saber que a sua estadia ajudou uma família.

Importante: nem todos os anunciantes aceitam estadia de uma noite, ou fim-de-semana, principalmente porque os custos de lavanderia e limpeza não compensam. Quando aceitam podem aumentar a diária.

Como funciona a identificação do proprietário e do hóspede?

Para reservar uma acomodação precisa criar uma conta e um perfil que em seguida serão verificados por Airbnb através dos seguintes dados:

  • cópia da carteira de identidade ou passaporte;
  • um número de telefone e um endereço de e-mail;
  • conta do Facebook, Google ou LinkedIn.

Airbnb cruza as informações acima e verifica a sua identidade. A identificação mínima aconselhável é o telefone e o email. Muitos anunciantes não aceitam identificação incompleta ou sem cópia da identidade e podem pedir que você conclua o processo. Neste caso o prazo para fornecer a informação adicional é de 12 horas.

Atualização: a partir de novembro de 2016, Airbnb pede obrigatoriamente uma cópia de um documento de identidade e uma fotografia.

Quando a sua identificação for verificada, você receberá um selo que será exibido no seu perfil. Muitos anunciantes e hóspedes procuram este selo na hora de reservar uma acomodação ou aceitar um hóspede.

Importante: Airbnb não divulga seus dados pessoais e todas as informações fornecidas são criptografadas e regidas pela Política de Privacidade. O anunciante só tem acesso aos seus dados depois da confirmação da reserva.

Quais são os tipos de hospedagem?

Existem basicamente três tipos de acomodações:

  • apartamento inteiro;
  • quarto privativo (nem sempre suíte);
  • quarto compartilhado.

Nos últimos dois casos, o banheiro pode ser compartilhado mas o resto do apartamento pode ser uso exclusivo do proprietário, inclusive a cozinha. Pergunte antes de reservar.

Como procurar uma acomodação?

O processo de busca é muito simples. Escolha um destino, as datas, o tipo de acomodação e o número de hóspedes. O sistema lista as possibilidades com preço e um mapa interativo.

Para melhorar a busca selecione as suas opções preferidas:

  • possibilidade de “Reserva Instantânea” (reserva com um simples click)
  • hospedagem com “Superhost” (anfitrião com alta pontuação em termos de feedback positivos, taxa de resposta, número de hóspedes já atendidos, etc)
  • faixa de preço;
  • tamanho: número de quartos, banheiros e camas;
  • serviços disponíveis: ar condicionado, piscina, TV a cabo, internet gratuita, wifi, estacionamento gratuito…enfim tudo o que achar indispensável durante a sua estadia;
  • tipo de imóvel (casa, apartamento, loft, etc);
  • bairro.

Use o zoom do mapa interativo para localizar as opções no bairro escolhido e nas vizinhanças.

Cada opção tem uma descrição com fotos, localização, regras, política de cancelamento, depósito caução, horário de check in e check out.

Os serviços fotográficos podem ser feitos pelos fotógrafos oficiais de Airbnb (veridicidade garantida pelo selo nas fotos), ou pelo proprietário.

O site oferece tudo o que você imaginar, desde quarto transado com cama e mesa em Paris, até triplex com Jacuzzi em New York e mansões com piscina em praias badaladas. Claro que alguns tipos de hospedagem são muito caros, mas Airbnb é uma boa pedida até para quem quer passar férias em lugares fora do comum ou em acomodações de luxo.

Dica: usando o “Airbnb Picks“, você vai achar hospedagens super criativas e originais como por exemplo, faróis, moinhos, torres, barcos à vela, villas, fazendas, vagão de trem, ilhas particulares, …

Como Airbnb classifica os resultados da busca?

Quando comecei a usar Airbnb quis entender como funcionava a classificação de um resultado de busca. Quero dizer: qual é o critério usado para colocar um anúncio na frente de outro. No site tem a explicação detalhada na pagina “Como são determinados os resultados de busca?“.

Bom, processo é complexo porque leva em consideração diversos fatores que premiam os melhores anfitriões e que se encaixam nas preferências dos hóspedes.

Os principais fatores que empurram os anúncios para o topo da lista são:

  • Qualidade do anúncios, quer dizer, descrições bem feitas, fotos, preço competitivo, comentários e identidade verificada.
  • Facilidade de reserva, incluindo taxa e velocidade de resposta, calendário atualizado, taxa de cancelamento de reserva e taxa de aceitação.
  • Preferências dos hóspedes, como por exemplo, a relevância da localização, conexões sociais (se você tiver amigos em comum com um anfitrião), e as preferências do hóspede.

Como funciona o sistema de comentários?

Leia sempre os comentários antes de reservar. Uma das vantagens de Airbnb é que os comentários podem ser feitos somente por hóspedes comprovados, ou seja, depois da estadia ou depois da reserva. Nada de comentários falsos escritos por pessoas que nunca puseram os pés no lugar.

No final da estadia, tanto o hóspede quanto o anfitrião tem 14 dias para deixarem um comentário recíproco e aos poucos construir a própria reputação na comunidade. Em outras palavras, o hóspede escreve um comentário sobre um apartamento. Airbnb publicará on line o comentário somente se o proprietário também deixar um comentário sobre o hóspede.

É uma maneira de proteger reciprocamente as partes. No caso de TripAdvisor, por exemplo, encontram-se muitas criticas gratuitas, sem cabimento, que prejudicam o reputação do hotel ou restaurante.

Além dos comentários por escrito, os hóspedes podem enviar uma avaliação geral por estrelas. O número de estrelas exibido na parte superior da página do anúncio corresponde à média das notas que os hóspedes deram para aquela acomodação. Na parte inferior há uma média para cada avaliação por categoria.

Importante: Um anfitrião precisa receber avaliações por estrelas de pelo menos 3 hóspedes antes que a média apareça na página.

Como fazer uma reserva com Airbnb?

Depois de escolher o apartamento/quarto, você tem duas possibilidades de reserva:

  • Reserva Instantânea: reserva sem aprovação do anunciante. Insira os dados de pagamento, clique e conclua o processo de reserva em poucos minutos;
  • Pedido de reserva: muitos anunciantes preferem aprovar as reservas. Nesse caso, você fornece os dados de pagamento e envia um pedido de reserva. O proprietário/anunciante tem 24 horas para aceitar ou rejeitar seu pedido.

No meu caso, as respostas foram muito rápidas, tipo 2 ou 3 horas. Alguns proprietários preferem trocar mensagens com o futuro hóspede antes de reservar, para obter maiores informações, principalmente no caso de aluguel de quartos ou quando o hospede ainda não tem feedback.

O sistema disponibiliza também a opção “Oferta Especial”  para ofertas de desconto.

O preço final inclui o valor da diária, a taxa de serviço de Airbnb e a taxa de limpeza fixada pelo proprietário (nem todos cobram pelo serviço).

A taxa de serviço de Airbnb fica entre 6% a 12%, calculada a partir do subtotal da reserva (preço de uma reserva antes da inclusão das taxas de serviço). O percentual depende do subtotal da reserva: quanto maior o valor da reserva menor é a taxa de serviço.

Dica: troque mensagens com o anunciante antes da reserva para saber algo mais sobre o bairro, os meios de transporte, a distância do aeroporto, etc. Um dos aspectos mais legais de Airbnb é que do outro lado da tela tem uma pessoa de carne e osso que mora no lugar e pode tirar suas duvidas, dar uma mãozinha no seu roteiro e atender suas necessidades especiais.

A minha experiência com Airbnb confirma que geralmente os proprietários respondem com sinceridade e boa vontade e gostam de ajudar os hóspedes até com dicas de passeios, atrativos, restaurantes, etc.

hospedagem-berlim

Airbnb Berlim disponibiliza apartamentos charmosos nos bairros mais descolados da cidade


Como funciona a política de cancelamento?

Cada acomodação tem sua própria política de cancelamento escolhida pelo anfitrião. Leia sempre a política de cancelamento antes de  enviar um pedido de reserva.

Os anfitriões podem escolher entre as seguintes políticas de cancelamento padronizadas:

  • Flexível:
  • Moderada:
  • Rigorosa:
  • Super rigorosa de 30 dias;
  • Super rigorosa de 60 dias;
  • Longo prazo.

Consulte a pagina  “Políticas de cancelamento” no site de Airbnb para maiores detalhes.

Airbnb é seguro?

No universo “hospedagem” nada é 100% seguro. Mas o sistema de reservas e pagamento de Airbnb é suficientemente seguro porque:

  • requer a identificação do proprietário e do hóspede através de email, número de celular e contas de Facebook, LinkedIn;
  • tem um sistema próprio de correio eletrônico que comprova e registra a troca de mensagens;
  • verifica os números de telefone durante a criação da conta;
  • disponibiliza on line os comentários sobre o proprietário e sobre o hóspede;
  • o pagamento da reserva é feito diretamente a Airbnb e NÃO (jamais) ao proprietário;
  • Airbnb paga o proprietário SOMENTE 24 horas (ou no primeiro dia útil) depois do check in;
  • a assistência clientes funciona 24 horas, todos os dias da semana.

Dica: evite tratar preço e desconto diretamente com o proprietário, fora do canal oficial on line e não aceite proposta de pagamento em dinheiro, diretamente no local, sem usar a intermediação de Airbnb.

O que fazer em caso de problemas ou quando a acomodação não corresponde à descrição?

Como em qualquer situação, a primeira coisa é pedir ao proprietário de solucionar o problema. Uma dica é imprimir a descrição da acomodação disponível no site (incluindo as fotos) e levar tudo na viagem. É uma forma de comprovar o que foi pago e que não deixa dúvidas.

Se nada disso funcionar Airbnb pode bloquear o pagamento da reserva se o hospede apresentar uma reclamação durante o check in ou logo em seguida. Por este motivo Airbnb paga o proprietário somente no primeiro dia útil depois do check in.

Solução fácil e eficiente, que deixa qualquer hóspede tranquilo.

Quando não devo usar Airbnb?

Para evitar perrengues e surpresas desagradáveis, evite Airbnb quando:

  • gostar de privacidade mas pretende viajar com amigos. A não ser que você alugue um triplex, fica difícil ter privacidade em um apartamento…
  • gostar de mordomia, troca diária de lençol e toalha, café da manha quentinho já pronto, …
  • quiser passar despercebido;
  • detestar trocar e-mails para fazer uma reserva;
  • estiver planejando uma estadia de um ou dois dias.

Nos casos acima é melhor ficar em hotel!

Hospedagem Airbnb na Ilha de Lanzarote (2015): casa na beira-mar para 4 pessoas, 3 quartos, 3 banheiros, sala, cozinha, sala de jantar, área de serviço, piscina, deck e terraço (total: 90 euros por dia)

Hospedagem  Airbnb na Ilha de Lanzarote (2015): casa na beira-mar para 4 pessoas, 3 quartos, 3 banheiros, sala, cozinha, sala de jantar, área de serviço, piscina, deck e terraço (total: 90 euros por dia)

19 respostas
  1. Fernando
    Fernando says:

    Usei AirBnB em junho durante a minha visita em Roma. Ótima opção para quem viaja com familia como eu. Escolhi um apartamento com dois quartos, sala, cozinha e dois banheiros. Ideal para quatro pessoas. Economizei não somente com a hospedagem mas também com comida porque pude cozinhar em casa.
    No meu caso deu tudo certo porque aluguei um apartamento inteiro mas acho arriscada a opção de apartamento compartilhado com os proprietários.

    Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Airbnb é ideal para quem viaja com família. O segredo é escolher com antecedencia para conseguir bons preços e conforto. No caso de apartamento compartilhado precisa controlar muito bem os comentários. Melhor evitar hospedagem com comentários negativos e proprietários “novatos”.

      Responder
  2. Anna
    Anna says:

    Olá, aluguei um apto no airbnb, mas não sabia que dava pra por o nome do segundo hospede, ou seja, no recibo só consta meu nome é escrito mais um hospede. Será que haverá problema ao passar na imigração, afinal só consta meu nome, do meu marido não.

    Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Oí Anna,
      entre no site de Airbnb, acesse “suas viagens”, clique em visualizar itinerário e modifique a reserva.
      Caso não consiga localizar a reserva ligue para a central de atendimento. Sempre que precisei consegui ajuda por telefone.
      Abs,
      Adelaide

      Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Oí Priscila,
      antes de começar a pesquisa tem que selecionar o número de hóspedes. Quando saírem os resultados, o preço no quadradinho embaixo a esquerda em cada imagem é o preço por dia para o tipo de hospedagem e o número de hóspedes escolhidos. Se colocou um hóspede, é o preço de um hóspede por dia.
      Para a pesquisar ficar melhor ainda, selecione também o tipo de hospedagem: quarto compartilhado, quarto inteiro ou apartamento inteiro.
      Para ver o preço final, incluindo as taxas de limpeza e do serviço de Airbnb, você tem que clicar em cada imagem. Quando abrir a página, do lado direito você vai ver uma tabela com o resumo de todos os custos e o preço final para o período escolhido.
      Se não ficou claro, mande dizer.
      Abs,
      Adelaide

      Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Olá,
      se você não escolheu a data de check-in e check-out e o número de hóspedes antes de fazer a pesquisa, o valor é o preço mínimo que o anfitrião fixou.
      Para saber o preço total (incluindo a taxa de limpeza) tem que fazer a simulação com a data e o número de pessoas.

      Responder
  3. Fátima
    Fátima says:

    Parabéns! Muito esclarecedor para quem está começando a usar. Tenho duas dúvidas, quero saber se pode me ajudar: o pagamento em boleto é imediatamente após a reserva? Tenho que fornecer os documentos para confirmação apenas meu ou o anfitrião pode exigir confirmação dos documentos ou nomes das pessoas que vão comigo? Obrigada desde já.

    Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Bom dia Fátima,
      o pagamento é feito imediatamente após a reserva. Portanto verifique antes as condições de cancelamento do alojamento que escolheu. No caso de condições flexíveis é possível cancelar a reservar sem perder o dinheiro. É a melhor opção se você ainda estiver na dúvida.
      Você tem que fornecer somente os seus documentos antes de fazer o check in. Durante o check in depende do país. No Brasil por exemplo não é pedido nenhum documento aos outros hóspedes. Na Itália durante o check in é obrigatório fornecer o documento de todos.
      Abs.

      Responder
  4. Cristina
    Cristina says:

    Bom dia!

    Pretendo ir para Itália em setembro e me hospedar via Airbnb. Como um dos requisitos para entrada no país é a comprovação de reserva de hospedagem, gostaria de saber como proceder no caso do Airbnb, se é bem aceito para esse propósito, ou se preciso de alguma declaração do anfitrião.

    Desde já agradeço!

    Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Olá Cristina,
      sim é aceito sem problemas. Quando você pagar a reserva, o sistema vai gerar um recibo com os seus dados, período de hospedagem, preço etc.
      Antes de fechar a reserva, preencha o seu perfil com todos os seus dados, inclusive passaporte. Assim você a sua identidade vai ser já verificada pelo próprio sistema Airbnb.
      Leve com você toda a documentação e apresente na imigração.
      p.s. Se você ainda não tem conta com Airbnb, se quiser use o meu convite para obter o desconto na primeira hospedagem. Use diretamente o link que você vai encontrar no post.
      Qualquer dúvida entre em contato.
      Abs

      Responder
  5. SILVIA REGINA MENDONÇA
    SILVIA REGINA MENDONÇA says:

    Boa tarde, pretende usar o Airbnb e minha dúvida e com relação a compartilhamento.
    Quando fazemos a reserva exite a opção de apartamento sem compartilhamento com anfitriões?
    Gostaria de apartamento com privacidade.

    Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Oí Sílvia,
      sim, existe a possibilidade de escolher com ou sem compartilhamento.

      Entre no site de Airbnb, escolha um destino, uma data de check-in e check-out e o número de hóspedes. Clique em BUSCAR.
      Airbnb vai mostrar a listagem das opções livres na data que você escolheu.
      Em cima da listagem tem a possibilidade de escolher filtros. No filtro “Tipo de acomodação” escolha “CASA INTEIRA”.
      São apartamentos ou casas sem compartilhamento (nem outros hóspedes, nem anfitriões).

      Se você ainda não tem conta no Airbnb, utilize o link do meu convite para ter direito ao desconto. Vale somente para o sua primeira hospedagem.
      Não tem pegadinha nem perrengue. É super fácil.
      Qualquer dúvida entre em contato. Abs

      Responder
  6. Irene
    Irene says:

    Boa noite. Apesar de ler os comentários Ainda me senti insegura quando ao valor da diária. Quando escolho dois hóspedes e ao simular da R$700,00 seriam eles por hóspede ou todos juntos pagaríamos esse valor, seria o aluguel do apartamento inteiro? Digo, valor final que juntos pagaríamos R$700?!

    Obrigada pela ajuda!

    Responder
    • Adelaide
      Adelaide says:

      Olá Irene,
      para obter o preço final da hospedagem, precisa:
      – escolher a data de check-in e check-out
      – colocar o número real de hóspedes
      – escolher o alojamento entre os resultados da busca
      – clique na imagem do alojamento escolhido para visualizar a página com todos os detalhes
      – na página específica do alojamento, no lado direito, você vai encontrar a descrição detalhada do preço. Na última linha é escrito claramente o total. Se você clicar “Reserve” vai pagar o valor indicado (válido somente para o período e para o número de hóspedes que você indicou)

      Atenção: se não indicar o número de hóspedes e o período, os preços que aparecem nos resultados da busca não são definitivos.

      Abs.

      Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *