Comida de rua em Milão: comer bem gastando pouco


Falar de comida de rua em Milão e na Itália em geral parece uma heresia. Quem diria que na pátria da lasagna existe um repertório de pratos rápidos feitos para serem comidos em pé que não deixa a desejar?

Nada parecido com as barraquinhas de Bangkok, é claro. Nem tão pitoresco e apimentado. Mas com certeza não vai decepcionar quem procura comida gostosa e barata.

Na Itália a comida de rua é muito comum nas regiões centrais e do sul, come Sicília, Puglia e Toscana. Até pouco tempo atrás não era fácil encontrar este tipo de refeição no norte, mas a moda pegou para valer e hoje em dia existem muitas opções de boa qualidade. Geralmente são pratos regionais que quase nunca você vai encontrar em restaurantes.

Pode parecer uma contradição falar de qualidade no caso de comida de rua. Mas não é. Comida de rua é geralmente caseira, feita na hora e na sua frente. Se além de tudo os ingredientes forem frescos, pode ser uma boa opção para comer bem sem gastar uma fortuna.

Em Milão, fique tranquilo porque as condições higiênicas são garantidas. No entanto, eu recomendo algumas precauções que valem em qualquer lugar do mundo. Evite:

  • pratos feitos com maionese;
  • coberturas e recheios com cremes, principalmente no verão;
  • frutas e verduras cruas onde não tem água encanada;
  • pescados vendidos sem refrigeração.

A comida de rua em Milão não é realmente de rua mas vendida principalmente em pequenas lanchonetes, padarias e às vezes em barracas ou pequenos food trucks que ficam nos parques e nas ruas para pedestres.

Como Milão sempre foi terra de imigrantes provenientes de outras regiões italianas, você vai encontrar pratos típicos da Itália inteira. Sem sair da cidade vai ter a ocasião de conhecer a gastronomia regional italiana de cabo a rabo.

Onde encontrar (boa) comida de rua em Milão

Na minha lista eu considerei somente comidas italianas porque – na minha opinião – não tem sentido comer kebad ou rolinho primavera na Itália, apesar de serem muito baratos. Desculpem, mas não vale a pena renunciar a um bom panzerotto da Puglia para economizar poucos euros.

Em Milã,  existem dezenas de locais que vendem comida de rua, mas eu listei os meus preferidos que ficam em bairros centrais.

Pizzeria Spontini

Desde 1953, um verdadeiro marco da pizza em pedaços (pizza al trancio) em Milão. Crocante embaixo, fofinha em cima e cobertura suculenta. Sempre quentinha porque é feita na hora, o dia inteiro. Ideal para comer em pé ou passeando.

Cardápio é simples: pizza, pizza, e bebidas. Coberturas tradicionais, poucas variações e nada de ingredientes ousados. Serviço rápido (e poucas gentilezas).

Ideal para quem está com pressa e quer comer uma pizza típica sem correr riscos de comida mal feita

Site oficial | http://www.pizzeriaspontini.it/

comida de rua em Milão

Spontini tem várias sedes da cidade, todas em ruas centrais


Panzerotti Luini

Outro marco da comida de rua em Milão. O panzerotto é um prodotto típico do centro-sul da Itália. Um alimento pobre mas muito saboroso, com muitas variantes. Em Nápoles é conhecido também como pizza fritta.

Praticamente o panzerotto combina com qualquer tipo de recheio, mas o mais famoso é feito com queijo e tomate. Não confunda panzerotto com calzone. O panzerotto é frito e o calzone é feito ao forno.

Panzerotti Luini fica bem no centro da cidade, pertinho do Duomo, a catedral. É um local histórico, pequeno, muito frequentado por milaneses e turistas. Está sempre cheio. Mas a fila vale a pena, porque é o panzerotto mais famoso de Milão.

O panzerotto de Luini tem mil recheios e até uma versão ao forno com recheio salgado ou doce. A loja vende também pizza, bebidas, docinhos e pães.

A versão doce do panzerotto não é feita com a massa de pizza como a versão salgada mas com uma massa tipo empadão, com manteiga, meio esfarelada e crocante.

Não tem onde sentar. Tem que comprar e sair. Mas não coma na calçada como todo mundo faz. No verão, o ideal é comer o panzerotto na Piazza San Fedele, uma pracinha ao lado da Prefeitura de Milão, ou na Pizza della Scala, na frente do famoso teatro.

Endereço | Via Santa Radegonda,16.

Metrô | linhas amarela e vermelha, estação Duomo.

Horário de funcionamento | segunda-feira das 10:00 h. às 15:00 h., de terça a sábado das 10:00 h. às 20:00 horas.

Preço do panzerotto | a partir de € 2,70 cada.

comida de rua - Luini

A famosa plca de Panzerotti Luini no centro de Milão


Il Panzerotto

Em poucas palavras é um dos concorrentes de Luini. Existem tantos que tentam mas na minha opinião esse é o único que vale a pena. A massa é mais leve do que a de Luini. Muitos recheios também, mas somente uma versão doce: com Nutella!

Fica no bairro de Buenos Aires, zona de shopping para todos os bolsos, perto do centro da cidade. O local é mais tranquilo do que Luini, não tem fila e tem um balcão com cadeiras. Evitando os horários mais movimentados tem sempre lugar para sentar.

Fica ao lado de uma das Pizzeria Spontini. Dois coelhos com uma cajadada.

Endereço | Via Spontini, 4.

Metrô | linhas vermelha (estação Lima), linha verde (estação Loreto).

Horário de funcionamento | segunda-feira das 11:45 h. às 15:00 h. – 17:45 h. às 23:00.

Preço do panzerotto | a partir de € 2,50 cada.

panzerotti tabela de preços

Os recheios e a tabela de preços


Alto Adige Delicatessen

Pouca gente sabe que na Itália existe uma região que fala alemão. Pois é, fica bem ao norte, na divisa com a Áustria. Estamos falando do Südtirol (ou Alto Adige, em italiano).

Essa lojinha vende todos os produtos típicos da montanha tirolesa: strüdel, Schwarzplententorte (torta com geleia de frutos silvestres), pretzel, Sachertorte, suco de maça, pães de cereais, speck (presunto defumado)…

Tem venda de enlatados, iogurtes, mel, embutidos…para comprar e comer depois.

Um ótimo lugar para lanches e almoço rápido durante as comprar no Corso Buenos Aires.

Endereços | Piazza Santa Maria Beltrade 2 (linha vermelha ou amarela, parada Duomo) e Corso Buenos Aires 47 (linha vermelha, parada Lima).

Docinhos e biscoitos típicos tiroleses

Docinhos e biscoitos típicos tiroleses


Mercato Comunale – Piazza 24 Maggio

No bairro dos canais – Navigli – epicentro da muvuca milanesa under 30, tem várias opções de comida de rua. Mas o top na minha opinião fica na Piazza 24 Maggio: o mercado municipal. Várias lojinhas de produtos típicos, sanduíches, além da “Macelleria Popolare”, sucursal da famosa “Mangiari di strada” com venda de especialidades da culinária italiana em extinção. Não estou brincando.

O cardápio é para verdadeiros gourmets que não têm medo de experimentar nada: espetinhos de carnes, fígado, tripa, polpetta, língua, rabada, linguiças picantes…e por aí afora. Uma verdadeira sinfonia de pratos para comer em pé acompanhados por bons vinhos e cervejas artesanais.

Quem tem paladar mais tradicional pode escolher várias tipos de cortes de carnes na chapa. Para comer em pé, é claro.

Leia mais: Bairro Navigli

Lojinha "Cibo di strada

Lojinha “Macelleria Popolare”, especialistas em comidas de rua italianas. Preços na tabela


Stigghiola de Palermo

Stigghiola de Palermo: espetinho de tripa de carneiro ou galinha na brasa, temperada com sal e limão


Fiordiponti Bakery e Café

Em Milão várias padarias vendem a famosa “focaccia” da Liguria. Mas Fiordiponti é a sucursal de uma das padarias mais famosas da Riviera Ligure.

O cardápio é simples e ao alcance de todos paladares: focaccia com queijo (Focaccia di Recco), cebolas ou azeitonas, e alguns pratos tradicionais da Liguria como pasta como molho pesto ou de nozes.

Lugar pequeno mas agradável, com serviço rápido e sem complicações. As duas sedes ficam em zonas de shopping alternativo e charmoso que vira agito depois das 21 h: Porta Romana e Isola.

Quem está gosta de curtir o típico aperitivo milanês, apareça depois depois das 18 h para saborear o buffet de focaccia e uma taça de vinho.

Endereço | Viale Monte Nero 5 (linha amarela, estação Porta Romana) e  Via Pollaiuolo 9 (linha lilás, estação Isola).

Horário | 7:30 – 24:00 h.


comidas de rua em Milão

Fatias de focaccia


Leia mais sobre Milão aqui no blog:

 


Adelaide Pereira – Reprodução proibida

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *