LX Factory, um passeio alternativo em Lisboa


Alternativo e de tendência. Sim, porque LX Factory é um dos pólos culturais mais vibrantes de Lisboa, ou melhor, uma “ilha criativa”, como o próprio site oficial define a ex área industrial localizada no bairro de Alcântara, entre a Praça do Comércio e o Padrão dos Descobrimentos.

Uma estória com final feliz, como raramente acontece com as áreas abandonadas que recheiam as grandes cidades europeias. Mas o que é exatamente a LX Factory?

LX Factory

A entrada da LX Factory (praticamente embaixo da Ponte 25 de abril)


A origem da LX Factory

O espaço LX Factory renasceu das cinzas de um dos complexos industriais mais importantes de Lisboa, a Companhia de Fiação e Tecidos Lisbonense, que se instalou em Alcântara em 1846. Ao longo dos anos, a área abrigou também a Companhia Industrial de Portugal e Colônias, a tipografia Anuário Comercial e a Gráfica Mirandela.

O processo de desindustrialização urbana de Lisboa transformou aos poucos o imenso complexo de 23 hectares em uma área degradada e abandonada às margens do centro da cidade… Até 2005, quando foi comprado por uma empresa de investimentos com a intenção de renovar e converter o espaço.

O projeto de revitalização (que inclui também o bairro) acertou em cheio e hoje LX Factory é uma referência cultural e de lazer não somente entre os lisboetas.

A reforma foi leve e a arquitetura do antigo complexo industrial permaneceu quase intacta. Gostei muito da autenticidade das fachadas dos galpões e das ruas internas porque não sofreram mudanças radicais. Praticamente tudo ainda está na versão original, sem maquilagem nem decorações “embelezadoras”.  Somente os espaços interiores foram retocados.

Merece destaque o edifício da Companhia de Fiação e Tecidos Lisbonense, o mais alto do complexo,  por ser um dos edifícios pioneiros da Arquitetura do Ferro em Portugal.

Desde 2008, LX Factory é em constante transformação graças à abertura de lojas, escritórios, ambientes de trabalho compartilhados e colaborativos (o chamado coworking), ateliês de artes plásticas, livrarias, bares e restaurantes, etc.

O espaço abriga também exposições e eventos culturais e artísticos, além do LX Market, o brechó semanal que  acontece aos domingos e que reúne vendedores de objetos usados, artesanato, arte e design, etc.

LX Factory

Restaurante ao ar livre em uma das alamedas da LX Factory


O “conteúdo” da LX Factory

A visita ao espaço combina bem com um fim de tarde, depois da visita (obrigatória) ao Mosteiro dos Jerônimos e arredores. Enfim, vale um pit stop para checar as novas tendências lisboetas e para um rolê descontraído entre lojinhas, bares e restaurantes transados, com muitas opções vegetarianas.

Eu gostei muito porque o local é bem diferente da Lisboa “tradicional” e transmite uma vibe super positiva e alegre.

Uma das principais atrações do complexo é a livraria Ler Devagar,  considerada uma das mais originais do mundo por causa das paredes cobertas de livros até o teto e da bicicleta suspensa na entrada, obra do artista Pietro Proserpio, italiano mas residente em Lisboa. A livraria ocupa a antiga Gráfica Mirandela e é especializada na venda de livros de pequenas editoras. Mesmo que seu objetivo não seja comprar livros, vale uma olhadinha. Dentro há uma cafeteria.

As lojinhas da LX Factory são bem “fora do óbvio” e eu aproveitei para comprar presentinhos originais para os meus amigos. Há opções para todos os gostos, como bijuteria, vestiário, sapatos, cosméticos, objetos para decoração, vinhos, etc…. Tem de tudo.

Comidinhas também não faltam. Pra começo de conversa, tem uma sucursal da Landeau Chocalate e a sua torta de chocolate mais gostosa do mundo (eu testei e aprovei kkk). Ou a original Cantina, restaurante dentro do antigo refeitório da Gráfica Mirandela. Mas as opções não acabam aqui: tem sushi, hambúrguer, comidas argentinas, sanduíches, saladas, etc.

Uma dica: Nem sempre os restaurantes “alternativos” são baratos. Pelo contrário. E muito menos é garantia de comida boa. Melhor controlar o cardápio antes de entrar.

Confira os horários de abertura dos restaurantes e das lojas no site oficial da LX Factory.

LX Factory

As lojinhas


LX Factory

A planta dos galpões


Como chegar na LX Factory

A LX Factory fica no bairro Alcântara, praticamente embaixo da Ponte 25 de Abril, perto das Docas de Santo Amaro e do Padrão dos Descobrimentos.

Endereço | Rua Rodrigues de Faria, 103 – 1300 Lisboa

Transporte | Eléctrico 15 ou ônibus (732 ou 760).


Clique no botão do Pinterest para salvar e ler depois

LX Factory



0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.